Criando Uma Estratégia de ESG Com Foco em Sustentabilidade 

close-up-environment-sign-collection

A estratégia de ESG com foco em sustentabilidade vem ganhando espaço em função de benefícios como maior facilidade para obter investimentos. Contudo, hoje em dia, muitas empresas adotam ações de sustentabilidade como se estivessem adotando uma abordagem de ESG completa. 

Ambos compartilham o mesmo objetivo: melhorar as práticas comerciais de uma empresa, a fim de aumentar os lucros e ganhar favores de investidores, clientes e reguladores. Porém, existem algumas diferenças importantes que sua organização precisa estar ciente entre essas duas iniciativas.  

Especialmente se você é o responsável por implementá-las para sua organização, é preciso entender como os dois conceitos são tão iguais e diferentes e onde eles se sobrepõem. Então vamos dar uma olhada mais de perto! 

Buscar Sustentabilidade ou Uma Estratégia de ESG Com Foco em Sustentabilidade? 

Embora a sustentabilidade e ESG pareçam conceitos semelhantes, há uma diferença principal: a sustentabilidade é vaga, enquanto a estratégia de ESG é específica e mensurável! Sustentabilidade pode significar coisas diferentes para cada empresa, já para conquistar os muitos benefícios de ter uma estratégia de ESG com foco em sustentabilidade, é preciso seguir um conjunto específico de critérios.  

São esses critérios (ambientais, sociais e de governança) que as empresas podem/devem medir e relatar. Veja a seguir como isso funciona na prática!

Sustentabilidade: O que é? 

Nos últimos anos, a sustentabilidade tornou-se sinônimo de “pensar verde” ou “reduzir sua emissão de carbono”. Então, quando pensamos no conceito, somos automaticamente remetidos a questões como reduzir o consumo de energia ou utilizar água e outros recursos naturais de forma mais consciente

Tudo isso faz parte dos processos ligados a ações sustentáveis. Além disso, são objetivos importantes para qualquer organização que queira reduzir custos, melhorar o desempenho e dar uma contribuição positiva ao planeta. No entanto, essa é uma definição muito enxuta, pois sustentabilidade é um termo amplo, que engloba todos os esforços de uma empresa para reduzir o impacto no mundo ao seu redor.  

Por exemplo: sustentabilidade também pode significar criar bons empregos ou promover a igualdade de gênero no ambiente de trabalho. Por essa razão, a sustentabilidade dificilmente é verdadeiramente integrada na maioria das organizações. Apenas uma pequena parte das empresas sabe o que precisa fazer, mas ainda lutam para obter dados precisos que permitam medir e relatar o desempenho. 

Estratégia de ESG Com Foco em Sustentabilidade 

O ESG, por outro lado, é muito mais específico e orientado por dados. A estratégia é focada em três pilares – um deles está relacionado à sustentabilidade. Acompanhe:  

  • Ambiental: focado em melhorar o desempenho ambiental de uma empresa, incluindo questões como: reduzir as emissões de carbono, melhorar a eficiência dos recursos naturais, gestão de riscos climáticos, entre outros; 
  • Social: voltado para o impacto de uma empresa em seus colaboradores, clientes e comunidade, englobando questões como: segurança no local de trabalho, engajamento dos funcionários, diversidade e inclusão, satisfação do cliente e até privacidade
  • Governança: baseado na liderança e estrutura de um negócio, envolvendo questões como gestão de dados, remuneração dos funcionários, composição do conselho, auditorias e combate ao suborno e à corrupção. 

Além disso, a estratégia de ESG também tem um destaque especial na gestão de riscos. Ou seja, monitorar e mitigar riscos dentro destes três pilares também deve ser uma prioridade importante para qualquer empresa que se proponha a adotar uma postura proativa e bem-sucedida sobre ESG. 

Importância de Adotar Uma Estratégia de ESG Com Foco em Sustentabilidade 

Toda estratégia de sustentabilidade envolve um conjunto focado de ações que visam o investimento a curto, médio e longo prazo. Para isso, impulsionam o desempenho da empresa, criando sistemas ambientais, sociais e econômicos que podem ser sustentados a longo prazo.  

A partir daí, o desenvolvimento sustentável é incorporado aos planos estratégicos da empresa. Sendo assim, a estratégia de ESG com foco em sustentabilidade envolve o detalhamento de um conjunto claro de declarações de sustentabilidade. Portanto, essa diretriz deve englobar programas, planos, ações e metas voltados para delinear como o negócio competirá em um determinado mercado – ou mercados – de forma sustentável. 

De modo geral, estes frameworks definem as métricas e elementos qualitativos que uma empresa deve disseminar, bem como o formato e a frequência desses relatórios. Na maioria dos casos, cabe à própria empresa realizar uma avaliação e definir as metas de acordo com os seus objetivos e políticas. No entanto, existem alguns frameworks específicos para uma estratégia de ESG com foco em sustentabilidade. Conheça os principais a seguir: 

Sustainability Accounting Standards Board – SASB 

Este framework foi elaborado para 77 setores econômicos diferentes, o que o torna muito divergente dos demais. Ele é importante para a estratégia de ESG com foco em sustentabilidade porque foi projetado para gerar relatórios para os investidores, mostrando como questões sustentáveis impactam no valor das empresas a longo prazo. 

Além disso, utiliza um sistema de classificação sustentável para agrupar empresas e setores semelhantes. Tudo com base em seus riscos e oportunidades relacionados à sustentabilidade. 

Carbon Disclosure Project (CDP) 

O sistema global de divulgação ambiental do CDP tem como objetivo apoiar organizações, cidades, estados e regiões na medição e enfrentamento de seus riscos e oportunidades sobre: 

  • Mudanças climáticas;  
  • Segurança hídrica; 
  • Desmatamento. 

Dessa forma, na estratégia de ESG com foco em sustentabilidade, ele tem o papel de ajudar as organizações a divulgarem dados ambientais a pedido de seus stakeholders.   

Task Force on Climate-related Financial Disclosures (TCFD) 

O relatório baseado em TCFD tornou-se obrigatório a partir de 2020 para todos os proprietários e gestores de ativos que aderem aos Princípios das Nações Unidas para o Investimento Responsável (PRI). O PRI é a maior rede de investidores do mundo para investimentos sustentáveis. 

Seu objetivo é trazer recomendações relacionadas ao clima, por meio de relatórios, que sejam mais eficazes e possam promover decisões mais informadas de investimento, crédito e subscrição de seguros. Além disso, outros objetivos são garantir que as partes interessadas entendam melhor as concentrações de ativos relacionados ao carbono no setor financeiro e as exposições do segmento aos riscos relacionados ao clima. 

Climate Disclosure Standards Board (CDSB) 

O framework do CDSB foi pensado para dar suporte às organizações na hora de preparar e apresentar dados ambientais em relatórios voltados para investidores. Dessa forma, os interessados podem avaliar a relação entre questões ambientais específicas e a estratégia, desempenho e perspectivas da organização

Sustentabilidade Corporativa Nos Tempos Atuais 

A estratégia de ESG com foco em sustentabilidade vem se tornando cada vez mais essencial para as organizações. Afinal, ela permite criar valor a longo prazo, levando em consideração a forma como sua empresa opera nos ambientes ecológicos, sociais e econômicos, especialmente quando apoiada por uma jornada de dados precisa e bem estruturada

Saiba mais sobre sustentabilidade e outros temas de relevância do segmento de dados em nosso Blog! 

Compartilhar conteúdo